Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FRAGMENTOS

FRAGMENTOS

... A sabedoria do silêncio absoluto
é o que eu, às vezes, procuro alcançar.
Sei que está dentro de mim.
Encontrando, eu serei capaz de assumir quem eu sou...


...Injustiça seja feita,
eu não pretendo me defende...
Eu não fiz,
estou em paz....

... O meu travesseiro sabe...

... E, por carência, a gente acaba aceitando
muita coisa que não deseja ...

... Mas não é em qualquer rosto
que eu vejo lágrimas como pérolas...

... E nada pior do que ficar tentando entender,
não entender nada e só piorar...

... Ah, era uma ilusão, nada mais!...

... Um empurrãozinho nas circunstâncias
talvez seja o que eu precise fazer
para que tudo que eu pretendo
possa definitivamente acontecer...

... Então eles juntaram suas águas
e correram depois em leito comum...
Mario Rezende
Enviado por Mario Rezende em 13/07/2006
Reeditado em 22/04/2011
Código do texto: T193253

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Mario Rebelo de Rezende). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Mario Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
689 textos (50926 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:51)
Mario Rezende