Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Melodia

Minhas mãos nunca tocarão as nuvens
Meus pés nunca se firmarão no chão
O livre sempre me dará vertigens
E fará com que, a ele, eu diga não

No proibido, contrário às origens
O equilíbrio cede à paixão
O antigo pede páginas virgens
Nova nostalgia da recordação

Pensar, questionar, pura inocência!
O desespero dá-me leveza
Faz-me triste vítima da alegria

Delírios na incandescência
De sua queima não nego a beleza
Que da vida é parte da melodia.
Maria Flor
Enviado por Maria Flor em 13/07/2006
Código do texto: T193328
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Flor
São João da Boa Vista - São Paulo - Brasil, 27 anos
30 textos (1143 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:27)
Maria Flor