Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O poeta e o rio


  Escorridos em rio de palavras,
  os poemas são canções abortadas
  pela encantação do silêncio
  de alguma música instigada.

  As águas carregam versos
  entre pedras e ribanceiras.
  E as melodias da correnteza
  se alimentam de corredeiras.

  Cumprindo a sina de rio, e
  fazendo arco-íris de versos,
  no desfazimento das cores
  por caminhos sem regresso.

  A tristicidade do velho poeta
  pesca palavras na enchente,
  e do cardume das letras
  faz um poema pra gente.
Lislopes
Enviado por Lislopes em 14/07/2006
Código do texto: T194167
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lislopes
Passo Fundo - Rio Grande do Sul - Brasil, 55 anos
80 textos (269503 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 07:14)
Lislopes