Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SEMIBREVE

Euna Britto de Oliveira
Site de Poesia: www.euna.com.br


As primeiras cédulas de dinheiro
De que me lembro
Eram amarelas e lilases.
As amarelas valiam mais!
Eu gostava de dinheiro
E igualmente das duas
Por causa de suas cores!...
Achava o dinheiro bonito!
Hoje, eu o acho perigoso.
Mas gosto, do mesmo jeito.

Naus despedaçadas
E umas pessoas nelas...
Conheço gente demais
E ainda quero conhecer mais!!!...
Às vezes, fecho os olhos
E vejo pessoas que nunca vi.

Guardo a memória de uma prova,
De inúmeras provas!...
Provas de
Matemática
Geografia
História
Português
Francês
Inglês
Latim
Morte de minha Mãe
Morte de meu Pai
Morte de mim
Prometida
Futura
Com data desconhecida
Sentença inexorável
Aplicada a todos os homens!
Semibreve de tempos eternos.

Mandaram fazer uma praça
E a insensibilidade a projetou e fez sem árvores.
Mandaram uns homens descansar na praça
E eles plantaram árvores!!!...
A praça perto da estação rodoviária...
Daqui.

A tarde esteve nublada,
Metade do céu querendo chover
E a outra metade, não.
Na terra, sempre choveu poesia!!!...
Mas houve um tempo
Em que eu não a escrevia...
Fez falta, não.
Deus faz tudo em profusão
E enviou poetas,
Muitos e muitos poetas!!!...
Sempre há os efetivos.
Fiz falta, não.
Talvez, de agora em diante,
Deus cobre a poesia de mim.
Ele esperou muito!
Plantou sementes
E quer ver o jardim!
O tempo passa...
Sinto que sou breve, quase breve;
Semi-breve.
Que Ele me cubra
Com Sua Graça!...

------------------------------------------------------------BH - 22/07/1990.
Euna Britto de Oliveira
Enviado por Euna Britto de Oliveira em 16/07/2006
Código do texto: T195587
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Euna Britto de Oliveira
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
995 textos (34684 leituras)
6 áudios (364 audições)
12 e-livros (692 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 18:36)
Euna Britto de Oliveira