Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mulher do Eterno

Ah! danada de mulher,
quando a gente tinha
dezoito
e lá vai anos,
ela me prometeu
amor muito eterno.

Acreditei e esperei,
mais de mil anos
o acalanto dela chegar.

Um dia, ela veio
brumada,
e mal dizendo,
errei!
desculpa, meu amor eterno !

- É que, antes de você,
encontrei pela vida,
mais de mil amores
suaves, e também eternos,
e todos muito bem
todos, arrumados !

Moral sem história:
levei ferro
com esse tal de amor
eterno !




José Kappel
Enviado por José Kappel em 18/07/2006
Código do texto: T196465
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26788 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:40)
José Kappel