Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Poesia Que Não Deu Certo

Conheci uma mulher
de muito moderna,
dessas,
de todo dia
frescar
nos shoppings
e nas tavernas.

Conheci a tal mulher
e ela disse que
amava poesia
e só me dava
seu amor,
se uma cantata
eu fizesse
de alegria.

De tanto
amor que
tava,
que fiz
uma
de
acalanto:

" meu amor, querido amor,
  te quero azul ou branca,
  ou você, por bem, tira
  essa saia de cor,
  ou eu arranco ela
  com todo vigor !"

Pelo visto
e bem revisto,
ela não entendeu
bufas,
de uma poesia
tão profunda.

E com toda arte de mulher,
me deu um pontapé ou panázio,
onde vigora a censura,
e me atirou uma xícara
de café fervente,
no mesmo lugar onde
se faz amor bem fundo.

Ah! Mulher inculta !



José Kappel
Enviado por José Kappel em 18/07/2006
Código do texto: T196481
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26787 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 08:50)
José Kappel