Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                            

 há dez mil anos
 
Rosa Pena
 
Frio no Brasil,
Era só no sul.
Maggi,
apenas o caldo da galinha azul.
Insetos,
matava-se com bomba de flit.
Explosivo poderoso,
era  o dinamite.
 
Primor,
era uma lata de Margarina.
No chão,
passava-se cera Parquetina.
Aplicava-se Avanço,
para tirar o ranço.
Para dor de cabeça,
uma Cibalena e um bom descanso.
 
Brincava-se de patinete,
Passeava-se de Vemaguete.
Comentava-se do Fulano,
tinha um Aero -Willys , carro do ano.
Que saudades!
Não conhecíamos o Bush,
para rimar, 
com o saboroso Crush.   
Agora insana
aguento o Obama!
 

Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 21/11/2004
Reeditado em 10/07/2013
Código do texto: T198
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2004. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Pena
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
960 textos (1414780 leituras)
48 áudios (24765 audições)
33 e-livros (29000 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 22:15)
Rosa Pena

Site do Escritor