Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sua Vida de Lírios

Atendo pelo mesmo nome,
sou vizinho de uma porta,
tenho sentido das coisas
e me perco nas paredes,
que lá meu espírito entorta!

Sou vesgo por dever,
gosto de cadeira macia e refinada.
Sou do interior e marcho lento
ao largo dos pardais
que vagueiam ao plento.

Ao cair da tarde atendo
pelo mesmo nome;
e tudo marcha parado!

Moro ao lado da viagem de saudade,
sou um evento sem exterior,
sem nunca ter visto o mar!
E mal refeito no sal da vida,
finco meu vazio
em sua face de lírios alados.
José Kappel
Enviado por José Kappel em 21/07/2006
Código do texto: T198533
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26785 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:03)
José Kappel