Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cio

Olhares se cruzam acendendo a chama,
Corpos se unem em perfeita harmonia.
Boca, pele, seios, pêlos...
O cheiro exala desejo,
Os dedos que tocam e percorrem os corpos
Em movimentos suaves.
Desejo.
O corpo arde em desejo
De sentir, de rolar, de lamber.
Desejo de eternizar
A chama que arde o sexo
Em movimentos voluptuosos
Sem pudores. Só desejo.
Desejo
De não mais ser,
Apenas estar e eternizar a paixão
Que arde, arde, arde, queima e delicia.
É vício no cio
Rosimere Ferreira
Enviado por Rosimere Ferreira em 21/07/2006
Código do texto: T198919
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rosimere Ferreira
Porciúncula - Rio de Janeiro - Brasil
116 textos (6350 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:24)
Rosimere Ferreira