Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cheiro de flores

Hoje o ar transbordou em perfumes, magia em cada pétala acetinada.
Feito borboleta vaguei de flor em flor, sugando o doce néctar, escorreu macio entre os lábios. 

Adornei o dia nublado, com flores douradas, nas sombras obscuras trouxe a luz sobre os passos.
Caminhei deixando rastros, pegadas marcadas na areia, no esboço da vida, apenas rabiscos, sentimentos doces, aonde a aurora colorida vem me buscar. 

Desprendem flutuantes as folhas das árvores em manhãs outonais, frio a beira do cais, barco solitário a navegar, desbravar oceanos atrás do horizonte anil. 

Apanhei flores campesinas, ludibriarem entre as rochas a beira da estrada, formosas e perfumadas, mesclado de cheiro de terra molhada. 

Águas cristalinas, dançando entre as pedras, diáfano de minha alma, tombam os anseios em,
Acordes angelicais de pássaros a gorjear. 


24.7.2006
Águida Hettwer
Enviado por Águida Hettwer em 24/07/2006
Reeditado em 24/07/2006
Código do texto: T200863

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Águida Hettwer
Sapiranga - Rio Grande do Sul - Brasil, 42 anos
1258 textos (116381 leituras)
15 áudios (2138 audições)
6 e-livros (2257 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 14:19)
Águida Hettwer

Site do Escritor