Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Delicadeza

Cingi meus olhos de silêncios pausados,
Botei no prego do esquecimento,
Os desvios das rotas, de nossas metas.
Espalmei as mãos para o cumprimento.
Só sobraram gestos...delicados,
Como esse doce pensamento,
Que segue em linhas retas,
Sibilando,nas entranhas do vento,
Para te enfeitiçar de pecados.
Plantei palavras em versos seculares,
Onde canto as minhas canções de ninar,
Sem aconchego nem reservas,
Perdida nas linhas brandas,
Prenhes de luas e luares.
 
Nas noites do meu sonhar,
Me banhei de almíscar e ervas,
Sândalos e rosas brancas,
Borrei de capim cheiroso,
E  bolhas de sabão;
Os versos que guardei na mão,
E por mais que vibrasse amoroso,
Tilintando nas notas,
Espargindo perfumes...
Encolheu receoso,
Maltratado de ciúmes.
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 28/05/2005
Código do texto: T20350

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55636 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 02:08)
Angélica Teresa Almstadter