Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Decifra-me

Decifra-me pela face
Que oculto
Pelas falas tantas
Pelos delírios febris
Não tenho um rosto
Sou uma alma apaixonada
Que vaga
Minha poesia
Mapa escancarado
Do meu coração

Meu corpo feito de papel
Gravado tem poesias
Exalando o perfume das palavras
Risonhas, apaixonadas ou chorosas
Deixa rastro de melodias
No compasso do andar

Decifra-me se puder me ler
Amanheço, anoiteço
Em verso e prosa
Decifra-me pelas falas poucas
Pelos sorrisos fartos
Pela falta de censura
Pela poesia pura

Decifra-me sem me ver
Se puder me ler
Irá então me conhecer
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 28/05/2005
Código do texto: T20467

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55644 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:55)
Angélica Teresa Almstadter