Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Casa Dela

Há várias coisas na minha
vida
que me abrutam a
sensibilidade:
uma porta fechada,
janelas de cedros
despencadas,
luzes de seda
debruadas,
poeira de tempo
amuadas,
e felicidade que
nunca vem
ameiada.

Casa de armários de
vila e agora,
a casa antiga - a casa dela -,
que um dia foi vinho,
foi beijo sem velas,
mas agora,
mas hoje é sonho.

Sonho de matar!
 
Pois metade de mim,
avante!
 
Ainda baila por ali,
na casa fechada,
de uma varanda,
um riacho,
meia-luz,
e dois abraços
eu e ela,
enlaçados, agora,
só no
ontem!
José Kappel
Enviado por José Kappel em 30/07/2006
Reeditado em 31/07/2006
Código do texto: T205179
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26783 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 16:53)
José Kappel