Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Espelho


No espelho
revês-te
e julgas

desclassificas,
nada tens...
que pedra

insinuas
o que tu fazes,
tudo o que és,
olhas o espelho
e nada vês,
tua alma
tem defeitos
e maldade

apocalipse!
apontas
a espada
crava-la
esperas
ver sangue
que idiota

só vês sombras
tentas agarrar
fogem-te
és pobre
de espírito
e acusas

alma sem lei
no céu não entra,
no purgatório
há um espelho
vais-te rever

assim na prisão
continuas
no palco da vida
sem eira nem beira
sem compaixão

estendes a mão
lanças bofetada
arrojas pelo chão
alguém inocente,
tentas ser gente
não tens coração
não vales
nada.



Fera Ferida
Enviado por Fera Ferida em 01/08/2006
Código do texto: T206521
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Fera Ferida
Portugal, 41 anos
59 textos (1660 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:11)
Fera Ferida