Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poeta

Vives oh poeta na esteira da paixão
Correndo contra a razão
Não reconheces o pecado
Só queres amores roubados
Desejos rasgados, versejados
Amor descompassado...melado
Ah poeta tua sina
É morrer tísicamente apaixonado
Pela mulher menina
Pela bailarina
Que sapateia no teu coração
Pois à todas tu amas
Sem fazer distinção
Àquela que em silêncio arde
Nas chamas do teu coração
Ah poeta, um dia vais te apaixonar
Por essa dona inquieta
E pode ser tão tarde...
Quem sabe se na noite discreta
Ela na estrada sumiu
Foi morar com os astros
Levanda pela solidão
Que só ela sentiu...
Sem te deixar rastros
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 30/05/2005
Código do texto: T20788

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55629 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 14:47)
Angélica Teresa Almstadter