Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESILUSÃO



                                                            INCÓGNITA



Sou como o mar.
Hoje, de ondas revoltas
E indomáveis.
Amanhã, de águas calmas
E insondáveis,
Guardando mistérios
E enigmas.
Depende da maré.
MARISA ALVERGA
Enviado por MARISA ALVERGA em 04/08/2006
Código do texto: T209361
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
MARISA ALVERGA
Guarabira - Paraíba - Brasil
41 textos (4622 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 22:47)
MARISA ALVERGA