Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

arte morta

E se Nietzche estiver certo quando diz que deus morreu?
E se Augusto dos Anjos resolver exaltar a própria vida?
E se Dylan parasse de reclamar e deixasse de ser ateu?
E se descobrirem que Elvis ainda não morreu?

Certo, Errado, seja o que for quando tudo acaba
Poesia, prosa, sabe o que aconteceu
Música e arte se confundiu na frieza de minha alma

E quando os dinossauros voltarem?
E quando as plantas carnívoras comerem gente?
E quando Raul disse a verdade?
E quando o minha febre vai passar?

Música, arte, poesia, livros, tudo caiu em cima de mim
Acabou com o pilar de minha consciencia
Distorceu minha realidade, me jogou num mar de letras

Se Syd Barret não usasse drogas
Se Kurt Cobain não tivesse se matado
Se não atirassem em Lennon
Se descobrissem que Janis andava em depressão...

Não há mais cores não há mais quadros
Não há mais certo, não há mais certo, e nem errado
Filosofia é crime, opinião o que é?

Van Gogh cortou a própria orelha
Jim Morrisson morreu, foi de tristeza
Hendrix pôs fogo, depois que Who quebrou
Nero queimou, quando acho que acabou

Vivemos a morte da cultura, a morte da arte
Os saraus solitários, os quadros rasgados
As músicas desgravadas, a filosofia sem opinião.
... Zeus nos perdoem...
mactire
Enviado por mactire em 05/08/2006
Reeditado em 06/08/2006
Código do texto: T209935
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
mactire
Campinas - São Paulo - Brasil, 33 anos
23 textos (775 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 16:40)
mactire