Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Aviamentos!

Carrinho no pescoço, luz travada,
Fritura para aliviar fratura exposta,
Paciência sem direito de resposta,
Bicuda no rabo semeia a discórdia,
No peso do balaço que bate nas costas,
Agulha & linha tenta um remendo,
Partilha para quem ficou devendo,
Surgiu um riso, expresso em picardia,
Rasgou a carne no pescoço, puxou a língua,
Silogismos arcaicos, gravata paraguaia,
Entrou no mar e puxou o rabo da arraia,
O nariz deixou o pulmão à míngua,
Valeu-se de segredos em tudo que ganha,
Tudo que fez sempre passou muito da conta,
Quantas cruzes serão cravadas, aponta,
Neutraliza a lágrima que na face assanha...

Tempos difíceis para ficar fora do mar!

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 09/08/2006
Código do texto: T212634
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120254 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 23:10)
Peixão