Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Como o fim

Ouço a respiração presa em tuas mãos
Ouço a discórdia faltar ao teu perdão
Vejo o arrependimento borrar-te a visão
Vejo todas as histórias deixar-te sem razão.
Escrevo uma poesia que mais parece uma canção...
Canção de angústia, desalmada, clamando pela tua aceitação.
Mas, onde fica o desapego então??
Sallem
Enviado por Sallem em 10/08/2006
Reeditado em 10/08/2006
Código do texto: T213223
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sallem
Santa Maria - Rio Grande do Sul - Brasil, 33 anos
3 textos (153 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:20)
Sallem