Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Laranja com Pato!

O azul nunca vai ser amarelo,
Tanto faz a folha a ser usada,
Goiaba não tem o mesmo gosto que marmelo,
Novos pêlos dependem da vassourada

Assim, simétrico, fértil prelo,
Arroz na juta feito com nada,
Estepe ou cerrado, além do paralelo,
Vinte anos de uma estocada,

Minhas crias, um afago singelo,
Todo sangue, lágrimas & cutelo,
Carne demais para homem magrelo,

Palavras de uma teima acirrada,
Palcos de uma única pancada,
Dissabores que ficam pela estrada...

Para não haver disputa, navegue pelo vasto mar...

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 19/08/2006
Código do texto: T219873
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120251 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:10)
Peixão