Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Devolva-me

Devolva-me as horas de amor contínuo
Meu egoísmo tão exíguo.
 
Devolva-me meus passos no teu chão
As avenidas que abri no teu coração
 
Devolva-me as noites diárias
De volúpias solitárias
 
Devolva-me o calor dos seios
Onde depositei teus anseios
 
Devolva-me o amor silencioso
Que chorei de prazeroso
 
Devolva-me as lágrimas quentes
Que colecionei como sementes
 
Devolva-me meus mares e oceanos
Meus desejos insanos
 
Devolva-me o corpo árido
O viver pálido
 
Devolva-me o frio da alma
A inquietude e a calma
 
Devolva-me o viver acomodado
Meu ser desbotado
 
Devolva-me a certeza
De aprender viver sem beleza
 
Devolva-me a juventude cheia de graça
De todos esses anos de trapaça
Angélica Teresa Almstadter
Enviado por Angélica Teresa Almstadter em 04/06/2005
Reeditado em 04/06/2005
Código do texto: T22172

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Angélica Teresa Almstadter
Campinas - São Paulo - Brasil, 62 anos
1054 textos (55643 leituras)
25 áudios (3274 audições)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:07)
Angélica Teresa Almstadter