Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

5ª Sinfonia da Poética

Concebê-la não é emplastro
Desenhá-la requer emoção
Vivenciá-la é fruto de dores
Respirá-la é mais que suspirar
Se tanto a vivia, hoje a transpiro

De quadros e notas harmoniosas
De confusas letargias
Contemplo suas iguarias

Sê-la não mais...
Pois ela não se cria
Das cinzas e dos gametas
Nasce a mais bela das poesias
A criatura inerte de sinfonias

Resgatá-la é arte
Descrevê-la é recanto
Tocá-la é ausência
Amar seus versos é essência

Decerto acariciar sua liberdade
É seguir o curso do rio
Perfumando as palavras...
Humberto Amorim
Enviado por Humberto Amorim em 21/08/2006
Reeditado em 22/08/2006
Código do texto: T221941

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Humberto Amorim
Euclides da Cunha - Bahia - Brasil
55 textos (1923 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 12:14)
Humberto Amorim