Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BALÉ

   

       Danço infindáveis formas de bailado
À luz da tarde quando o sol se põe,
Ser sutil, etéreo, leve, alado
Levado pela brisa que meu balé compõe.
Danço o encanto das manhãs de orvalho
Que pincela pétalas e após se esvai
Ungindo de paz a copa do carvalho
Filtrando a luz que sobre a sombra cai
Danço o silêncio, a paz o som da vida
O esplendor da terra em floração,
Na paisagem, poeira colorida,
Incenso puro, suave em emoção...

       Danço, louca, giro e em exaustão
             Caio direto no seu coração...
Linandre
Enviado por Linandre em 23/08/2006
Código do texto: T223022
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Linandre
Itabira - Minas Gerais - Brasil
244 textos (18338 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:24)
Linandre