Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

o enigmático dia de amanhã


 
haverá, por certo amanhã uma conjura,
entre o sol e a lua,
não haverá noite sem o dia,
não se fará promessa nem jura,
que não se faltará.
certo serão as árvores num plácido silêncio,
bebendo a terra, os rios levando água,
talvez as nuvens rezando chuva.
 
Não há hoje sinais de Deus, na Montanha.
Mas amanhã haverá palavras fazendo oliveiras.
 
estou certo que algo brotará de uma pedra,
uma nova canção, um vento em melopeia.
 
tudo se fará assim certo, se continuar a haver poeta,
e leitor devoto de poesia.
 
e os dias serão assim repetidamente  constantes
e diferentes
 
em outros olhares
 
se houver mais um dia
 
Constantino Mendes Alves
Enviado por Constantino Mendes Alves em 23/08/2006
Código do texto: T223080
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Constantino Mendes Alves
Portugal
324 textos (3787 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 10:49)
Constantino Mendes Alves