Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Oração pelo sol

I
Pai, amado Pai,
eu não posso estar lá,
para o sol acalentar,
e vês minhas lágrimas a rolar,
então agora em oração, te peço,
vai lá com amor,
e de paz cubra seu coração,
tome-lhe com as tuas, as mãos,
e lhe dê toda a coragem,
de continuar a lutar, e nunca,
nunca se entregar,
prá nada que o possa abater,
nem a tristeza, nem dor,
nem da morte o terror,
e que se erga como guerreiro,
de espada em punho,
pronto prá guerra,
contra a dor e a morte travar.
E Pai, vai lá, diga-lhe que é tão especial,
único no mundo a existir,
e que pode acreditar,
em a cura encontrar,
para a dor que corrói sua alma,
e muita alegria vai ter,
em continuar a viver,
para ser amado e amar.

II

Pai, preciso contigo falar,
dizer da minha tristeza,
de nesta manhã encontrar,
tudo quieto, silencioso,
e o sol no jardim da vida,
solitário à passear.
 
O que posso fazer?
Senão esperar,
e a ti em oração pedir,
que estejas tudo a cuidar,
além de ir no jardim dizer
que não desista de lutar.
 
Oh, Pai, amado Pai,
coloco tudo em tuas mãos,
pois sei que tu podes,
tudo, tudo mudar,
e no jardim da vida,
derramar felicidade.
 
E que mesmo em dor de verdade,
seja lugar de viver,
cada noite, cada dia,
com força, coragem
ânimo e alegria
buscando a felicidade!

Maria
Enviado por Maria em 23/08/2006
Reeditado em 23/08/2006
Código do texto: T223527
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4553 textos (186049 leituras)
1 e-livros (103 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:36)
Maria

Site do Escritor