Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Hoje

Hoje...
Eu me vesti de sol e, sorrindo inteiro
corri pelo vento, revivendo o tempo,
onde a liberdade não era um sonho,
onde a verdade era pensamento,
de todo o homem de todo o tempo;
Como criança, dona do universo,
eu cantei imerso na eternidade um canto de Paz!
Hoje...
Vestir-me de coragem,
na cabeça idéias,
cheia de vontade de existir
De quebrar correntes, de abrir cadeias
No regaço manso de água corrente
De banhar inteiro libertando sonhos
Deste pensamento livre de existir
Como adulta dona deste mundo
De jogar inteiro nesta aventura
De viver a Paz.
Hoje...
toda a consciência me questionando
toda a  coerência está em mim gritando,
esta evocação de profeta  e rei,
vou assumindo o mundo neste compromisso
de libertadora, poetisa e construtora,
Serva, dona , operaria, como mulher,
dona da história vou abrindo brechas no tempo
de agora.
Vou cantar o Amor.
Delza Breder Nolasco
Enviado por Delza Breder Nolasco em 05/06/2005
Código do texto: T22393
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Delza Breder Nolasco
Ilhéus - Bahia - Brasil, 92 anos
14 textos (963 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:05)
Delza Breder Nolasco