Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

metamorfose consagrada!

É para ser como fogo
E gritar igual ao ouro
Sem sentir todo esse pavor
Que alimenta a mesma dor.

Viva nos palcos dos fantoches
Usurpando um lugar invalido
Seus gestos, seus atos
Todos estão tão fictícios.

Um elfo quero ser
Sem perder  gloria da natureza
Viver na arte milenar
Que prega o esquecimento!

A capacidade de viver um relacionamento
Como o mundo é tão simples assim?
Lentamente passo a cultuar um novo
Sentimento que me faz madurecer.

E bloquear voluntariamente o
Meu psíquico ser magnífico
Não me parece uma boa escolha
Continuar ainda preso na tela da propaganda.

Então não posso deixar a minha elegância
Para ser um plebeu implorador de paixões...
Posso derrotar tudo que quero
E só não posso ser militante de uma falha guerra.
Edmir Junior
Enviado por Edmir Junior em 24/08/2006
Código do texto: T223962
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Edmir Junior
Juripiranga - Paraíba - Brasil, 30 anos
83 textos (1735 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 00:20)
Edmir Junior