Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Soneto de poeta para poeta

Quando a luz da lua,
Demorando no leito,
Ilumina a rua,
E a inspiração tua.

Madrugada já alta
O galo canta outra vez,
A viagem sem volta!
Es poeta! Es freguês!

Dela te lembras! É dor!
Não choras, mas escreves,
Para que tanto amor?

Por ela a alma ferve,
Perde o sono a trovar,
Dormes com ela a sonhar!...
Denise Figueiredo
Enviado por Denise Figueiredo em 24/08/2006
Reeditado em 30/12/2006
Código do texto: T224053

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite e o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Denise Figueiredo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 67 anos
313 textos (14442 leituras)
16 áudios (2928 audições)
5 e-livros (193 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:36)
Denise Figueiredo