Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOU MESMO ASSIM...

SOU MESMO ASSIM


     Sou mesmo assim
     Uma sedutora contumaz
     Procurando exercitar o amor
     Em mais rica expressão
     Vibrando sempre em paixões
     Queimando no fogo da ilusão
     Experimentando copos, corpos, bocas...
     Extasiando... exalando sensualidade
     Por todos os poros, com total naturalidade
     Sou mesmo assim
     Como um pássaro, um beija-flor
     Que de flor em flor, busca  alimento
     Que tão só busca o mel
     De flor em flor, o alimento
     E espalha sementes na natureza
     Para minha alma, único intento
     Essências divinas em dividir...multiplicar
     Para meu corpo, o sustento em amores
     Por vezes encontro o fel
     Que entorpece, me envenena
     Coloca em minha boca,o amargor
     Como a um castigo cruel
     Por parecer profanar o amor
     Por não saber interpretar
     Me arrasto em culpas...em penas
     Mas, como pássaro, aproveito o ensejo
     Ele carrega sementes de frutos,flores
     Em outros campos, à germinar
     Eu carrego sementes de amores
     Festejando corações, instigando desejos
     Irradiando alegria
     Distribuindo rica energia
     Mesmo parecendo vulgar
     Sei de minha alma, inocência
     E, em plena consciência
     Quem poderá julgar?
     Só falo do amor
     Irradio luz de meu olhar
     Para outros caminhos, clarear
     Amenizando a dor...
     Balsamizando, cicatrizando feridas
     Secando pranto dos corações
     Auxiliando na evolução
     Exercitando paixões...

     DIANA LIMA, Itanhaém/SP, 05/08/2004
Diana Lima
Enviado por Diana Lima em 06/06/2005
Código do texto: T22533
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Diana Lima
Santo André - São Paulo - Brasil
152 textos (52793 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:29)
Diana Lima