Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ÂNCORAS

Sou como o velho barco a velas
Ancorado no mesmo cais
Vejo as ondas mas não viajo por elas
Pois âncoras, as tenho demais

Que glória velejar pelos mares!
Outras terras, povos conhecer
Brasil, África e outros lugares
Todas as terras que se possa ver

Sem ter feito viagens fascinantes
Fico no cais mas não trago rancor
Pois minhas âncoras são importantes
As minhas âncoras, São o amor!

Filhos e âncoras prendem a gente
Não me angustia, grilhão indolor
Muito ao contrário, vivo lindamente!


* Essapoesia foi vencedora de um Concurso Nacional de Poesias e estou muito feliz com isso. Gostaria de dividir com voces essa alegria.
Once Upon a Time
Enviado por Once Upon a Time em 07/06/2005
Código do texto: T22715
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Once Upon a Time
São Paulo - São Paulo - Brasil, 57 anos
120 textos (5515 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:26)
Once Upon a Time