Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UÍNA


Euna Britto de Oliveira
www.euna.com.br

Uína, menina de sonho...
Não sabemos o que vem no vento.
Poeira, saúde, saudade,
Restos de fogueiras, rastros de abelhas,
Radioatividade...

Não sabemos o que o vento traz.
Avisos, perguntas, imagens,
Palavras de outros tempos, de outros cantos,
Sons de cachoeiras,
Feitiços, enguiços,
Chamados, choro de passistas,
Chuviscos...

Atávica, baiana-mineira, minha família, bagagem brasileira.
Volto de qualquer país
Sem nada.
Montada apenas no leve pano da bandeira
Recostada num raio de sol
Rastreando o último discurso
Proferido no mundo,
Meu preferido,
O que não vou taquigrafar...

Que coisa boa é voltar
Do trabalho
Mais cedo
Hoje
Pra casa!


A frente fria chega e me encontra vazia.
Vícios seculares me espreitam.
Deita-se
Sozinho
Atrás das montanhas,
Dando “tchau” às nuvens,
O sol!
Certos moribundos são os fregueses dos bordéis de outrora...
Os marimbondos, os bondes,
Os futuros convites para o vôo e o gol...
Sinto vontade de andar descalça...


As coisas escorregam lentamente
pela vida
E pela fronte
dessa gente...
O menino que nasceu dia 1º do ano
Mostra o 1º dente!
Creio em Deus.
Em quem mais
Eu poderia crer
Tão tranqüila,
Tão serena,
Tão segura,
Tão completamente?
Euna Britto de Oliveira
Enviado por Euna Britto de Oliveira em 29/08/2006
Código do texto: T228261
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Euna Britto de Oliveira
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
995 textos (34688 leituras)
6 áudios (364 audições)
12 e-livros (692 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:29)
Euna Britto de Oliveira