Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Muro

Intransponível, imaginário, barreira do abismo,
Separando a prisão, incentivando a fuga.
Olhos espreitando, vigiado por frestas profundas,
Buscam um exterior exposto em rosto desconhecido.

              Há um segredo guardado em sua muralha
Procuram por respostas...uma saída.
O medo sempre presente força a fuga,
Acorda o sonho, luta contra o tempo.

O muro não é apenas uma prisão.
Guarda amargas e doces lembranças
Segredos desvendados em rostos apagados.
Sem querer dividi-los com alguém,

O portão se abre para a felicidade.
Embora os sonhos continuam protegidos.
Alguém entrou na hora do descuido,
Mas o portão permanecera fechado.

A fresta no muro aberta traz um raio de luz,
Enquanto lá fora a vida esta presente.
Vivendo à espreita nos vãos do tempo.
O corpo dorme calmo e ausente
LIA
Enviado por LIA em 08/06/2005
Reeditado em 08/06/2005
Código do texto: T23005
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
LIA
São Paulo - São Paulo - Brasil, 62 anos
22 textos (1057 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 16:20)