Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tejo

                 Tejo





Bravo desci tumultuoso
Espartilhado entre desfiladeiros imponentes
Continuei sempre adiante
Nas lezírias planas, domínios meus,
Galguei de novo as margens do meu leito
Fertilizando a terra que a natureza me concedeu.
Por fim cheguei
Ao mar, meu pai,
E satisfeito, repousei.



Moisés Salgado
alestedoparaiso
Enviado por alestedoparaiso em 01/09/2006
Código do texto: T230467

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
alestedoparaiso
Portugal
209 textos (4174 leituras)
38 áudios (1068 audições)
2 e-livros (28 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:34)
alestedoparaiso