Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

(Sei do meu Caminho) Esboço VI

                Esboço VI





Sei do meu caminho
As balizas que o destino
Foi colocando para domar
As margens do meu leito
De selvagem tornei-me curso manso
E só quando as desventuras me provocam
Turvo de raiva e de furor
Na Afurada despejo o mau humor
E confio à Foz da minha foz
Os segredos que fui guardando
Consciente que na noite do meu dia
Hei-de encontrar a calmaria.



Moisés Salgado
alestedoparaiso
Enviado por alestedoparaiso em 02/09/2006
Código do texto: T231158

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
alestedoparaiso
Portugal
209 textos (4174 leituras)
38 áudios (1068 audições)
2 e-livros (28 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 12:37)
alestedoparaiso