Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A maldição de peixes

O astrologo diz, nos ouvimos
O astrlogo diz, nos seguimos

Peixes
Único a quem Deus deu sua vista
Único que a Deus olhou, vuislumbrou...
Único que abre as asas ao nascer

Nas águas da ilusão ele nada...
Nas águas dos rios de sangue da desilusão
Nas ondas de paixões irrealizadas
Pisces...filho do criador, filho do Deus de amor...

Elipses da contradição
Elipses que chocão, chocão a razão, a emoção
Mas sabemos, amigos de barbatana, que sempre a emoção triunfa
Sempre a mãe que nos conduz ao mar de noite e tormenta eterna

Sempre (não é) pensamos no céu eterno
E caimos dele, sempre, a queda
Quedas, quedas
Do coração ao chão
Da razão, nos esquecemos, a deixamos no fundo do
coração

Sente seu sentimento em uma sala de estar
Esperando por um café que não vem?
Amigo peixinho...
Gustavo Franco
Enviado por Gustavo Franco em 02/09/2006
Código do texto: T231225
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Gustavo Franco - http://recantodasletras.uol.com.br/autores/gustavofranco). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gustavo Franco
São José dos Campos - São Paulo - Brasil, 27 anos
51 textos (2050 leituras)
1 áudios (22 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:31)
Gustavo Franco