Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

HUMILDADE DE POETA

HUMILDADE DE POETA
Victor Jerónimo

Se eu fosse poeta
E tivesse inspiração
Seria poeta tempo inteiro
Sem qualquer ilusão

Faria sonetos aos deuses
Quadras lindas às estrelas
E ainda sobraria tempo
Para versejar sobre cometas.

Posso ser poeta humilde
Mas quase todos o são
Porque a bem poucos poetas
Poesia encheu de pão.

Ser poeta é ser corajoso
É ser nobre e com valor
Por vezes dói a quem o lê
Porque nas verdades há dor

Poeta que é poeta
Vive e morre assim
Nasce com rimas no sangue
Morre com sangue de magia.

10.06.2004
Victor Jerónimo
Enviado por Victor Jerónimo em 02/09/2006
Código do texto: T231317
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Victor Jerónimo
Recife - Pernambuco - Brasil, 67 anos
82 textos (5699 leituras)
4 e-livros (176 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 20:26)
Victor Jerónimo