Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não me calo, eu falo!

Não me calo, eu falo!
================ErdoBastos

Cala a boca tu!
Se não tens nada a dizer.
Eu não me calo, eu falo!
E repito até ele entender.
Que não pode agir deste jeito,
Que o que faz é errado.
Que o lugar dele é no peito,
Onde deve ficar confinado.

Como posso ficar calado?

Se não aviso este coração
Fica mal acostumado
E sai por aí procurando
Por outro desocupado!

Eu falo, grito com ele...
Meto-lhe a boca e xingo.
-Volta pro peito, safado!
Agora, só porque é domingo
sais e voltas apaixonado?
ErdoBastos
Enviado por ErdoBastos em 03/09/2006
Código do texto: T231418

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ErdoBastos
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
789 textos (36900 leituras)
2 áudios (124 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:27)
ErdoBastos