Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sonho de Luas

Após cinco voltas e meia em torno de meu
pórtico,
crianças chegaram
e a neve tomou a entrada
das casas.

Após cinco dias em torno de meu
corpo
homens e mulheres se misturavam
numa conversa barulhenta
e, sozinhos,
acolchoavam-se.

Após cinco horas em torno
do espírito que se foi,
lá carregavam mais e mais
espíritos comuns,
para a vala dos desmanados.

Aqueles que nunca viram
a tal Garça de Ouro !

Após cinco choros e diversas
lágrimas em torno
de meu corpo,
vi chegar o inverno,carregado
e impetuoso,e vieram outras
estações,
que mal sabia - discente -
qual porta de entrada
ou as várias saídas.

Após cinco dias - como apóstolo
selvagem, em torno de meu copo,
fui levado às pressas para os
homens de branco que
disseram:
-Que pena! - disse um.
Que dó - disse outro.
Passa prá outro - arrematou o terceiro.

E assim fui carregado em paz e com
dor.
Por uma, não levarem meu corpo
Por outra,não deixaram meu copo.

-Tudo por tristeza dela.

-Alma avessa e trêfega que me colocou no poente,
Enquanto, agora, lá espargia as meias do seu mais amor
ao sol ardente e indiferente.

E no copo,
bebem agora,
só sonhos de
Garças de Ouro.
José Kappel
Enviado por José Kappel em 03/09/2006
Código do texto: T231497
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José Kappel
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil
2147 textos (26785 leituras)
1 e-livros (125 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 16:39)
José Kappel