Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Acabou Sua Espera

Para que tantas esperas
Vou devorar tuas taras
Fazer em múltipla explosão
Perderes o fôlego num mar de tesão

Desnudar-te de todas as formas
Águas de rosas tão cálidas
Das intumescidas entranhas
Nesses vapores que te banhas

Acabar com todas as saudades
Para sentir o corpo flutuante
Que desse amor tão pulsante
Sorve-los em todos os sabores

Prepara-te para essa imensa invasão
Deixarei teus sentidos mais alucinados
Nossos corpos gementes, mas aliviados,
Em cada toque, uma miríade de paixão,

Peixão89
20/02/2003
Peixão
Enviado por Peixão em 03/09/2006
Código do texto: T231528
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 57 anos
3231 textos (120254 leituras)
1 e-livros (241 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 10:56)
Peixão