Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Calar o corpo


o corpo eu calo
quero ver calar meu coração
o corpo repousa
quero ver repousar minha mente

as palavras eu calo
quero ver calar meus olhos
a palavra pode ser vaga
quero ver ser vago sua essência

a mão eu amarro
quero ver amarrar o que dela emana
a mão adormece
quero ver adormecer o tato

quão sutil se fazem as palavras
quando perfeitamente colocadas

 
Fabio Damico
Enviado por Fabio Damico em 05/09/2006
Código do texto: T233078
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fabio Damico
São Bernardo do Campo - São Paulo - Brasil, 55 anos
120 textos (1502 leituras)
2 e-livros (59 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 20:07)
Fabio Damico