Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANTES SÓ DO QUE MAL ACOMPANHADA

apesar de alguns fracassos meus
[como de hábito]
persistes com o mesmo sorriso permanente
e com o mesmo gosto de beijo.

a casa, despencada
e sem mudança
[a nada ou a quase nada]
poderá te servir algo mais belo
do que este mundo desnecessário
graças aos meus excessos de fracassos
apesar de ti:
estada em mim
em alicerces seguros.

apesar de alguns fracassos meus,
companheiríssima
[como de hábito]
apressas-te na fuga para salvares a liberdade
de quem, por hábito,
nadou sem nunca ter chegado à praia
de quem, por hálito,
respirou todos os cadáveres dos escombros.

apesar de todos os fracassos meus
[como de hábito]
cabe em mim a certeza
de que não deixarei nem herança ou folhinhas
para o desfrute do vento ou do gasto
da minha vaga alma
sozinha e desacompanhada

apesar de todos os fracassos meus
[como de hábito]
é fato novo
o sabor da tua ausência.
Djalma Filho
Enviado por Djalma Filho em 05/09/2006
Código do texto: T233683
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Djalma Filho http://www.recantodasletras.com.br/autor.php?id=686). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Djalma Filho
Salvador - Bahia - Brasil
658 textos (19520 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 12:31)
Djalma Filho