Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RETORNANDO PELA 3º VEZ

De volta a terra que nasci
onde o céu azul um dia me disse
que eu era um homen comum
como os outros

mas o tempo passou
minhas pernas finas cresceram
me deram a altura exata
pra examinar melhor

girar de um lado ao outro
buscando algo muito bem escondido
longe dos dedos alfitos
dos olhos curiosos

mas tudo pode ser tocado
basta aproximar-se
o vento que sopra agora
umedece o ar

estes dias ensolarados
em que a gente pode acreditar
que a vida é bela
E o amor devora

Vejo quem amo
lutando tambem
rasgando-se na cerca
que divide os espaços

escrever pra desabafar
expelir a dor humana
pintar quadros pra dizer
que não pediu por vida

o interior sustenta-se
com algumas coisas mágicas
que visitam nos dias mais tristes
E desafiadores

ver a natureza tão estranha
fazer parte dela
respirando como um cão
lavando-se como um gato

fazer parte deste mundo
ciclo de alimentação
seja da alma ou do corpo
seja são ou louco

são paisagens construídas
algumas pintadas a mão
flores murchas no canteiro
reclamando solidão


é meu corpo aqui parado
refletindo só
é o silencio dos meus atos
rodeados de pó


é o que esta guardado
no  meu espirito se descreve
é o que sempre trago comigo
e  já não sei pra que serve
rdeorristt
Enviado por rdeorristt em 06/09/2006
Código do texto: T233732
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
rdeorristt
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
153 textos (5539 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:49)