Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poética do Encontro


Meus dedos em vazio
Olhos negros dentro das trevas
Suspiro oculto em silêncios eternos
E você bem ao longe.

Com os dedos tateio o seu sabor
E sinto verdade em seus instantes
De estrelas cadentes de destino
Como se ainda houvesse possibilidade.

Olhos de água a buscar caminhos
Sabendo em tudo do profundo do Ser
Momentos de glória dos anjos caídos
E que será de mim sem você?

Em silêncio pleno, uma voz de perdição
Clama teu segredo mais luminoso
Voz de futuro
Voz de mim em ti.

Como me ser, se há a distância
Das coisas fugidias,
Dos decretos reais das partidas
A busca incontida de nós.

Caminha a passos tristes,
Meu Anjo de céus inteiros;
Caminha ao meu encontro,
Vendo em nós o encontro dos universos.
Amael Oliveira
Enviado por Amael Oliveira em 06/09/2006
Código do texto: T233898

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Amael Oliveira
Aracaju - Sergipe - Brasil
70 textos (36656 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 04:22)
Amael Oliveira