Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Versos ao anoitecer

Quando a lua aparece
ainda é cedo e o sol não foi embora,
raios fulgidios no horizonte
apontam para a figura
marcante que anda errante
sem se aperceber
que tem em seu semblante
algo de novo, reflexo do Amor
sujeito a grandes vicissitudes
não deixa de tomar atitudes
que lhe indiquem o Verdadeiro Caminho
o anoitecer chega manso e no seu recanto
sorri distante e alheio
ao que é feio,
apenas sorri
sem medo nem pressa
de ver um novo amanhecer.
Rosy Beltrão
Enviado por Rosy Beltrão em 09/06/2005
Código do texto: T23401
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rosy Beltrão
Estados Unidos, 62 anos
155 textos (31364 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 17:03)
Rosy Beltrão