Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INGENUIDADE-Neila Costa

     
      NEILA COSTA

       
      Sou chama
      Que queima teu corpo
      E que por ele clama
      Não fui somente
      Mais uma em tua vida
      Que tu brincavas em versos...
      Sou tua alma vizinha,
      Que te aquece
      No frio do inverno...
      Sou o que procuras
      Na noite.
      Tua busca constante,
      Na tua cama hoje vazia,
      Inquieta...
      Sou a boca ardente que te beija
      Que te faz sentir.
      Mesmo que não digas
      Sou tua musa,
      Tua fiel mulher!
      Dentro do teu amor eu existo,
      Mas te expulso de mim
      Porque sou pele em êxtase
      Constante,
      De corpo carente,
      E amor verdadeiro.
      Pena que na minha ingenuidade
      Sonhei ser tua pela eternidade.
       
Neila Costa
Enviado por Neila Costa em 07/09/2006
Reeditado em 03/11/2009
Código do texto: T234760

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Neila Costa
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil
105 textos (3964 leituras)
66 áudios (3351 audições)
1 e-livros (38 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 22:02)
Neila Costa