Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MENDIGOS DE ALMAS...

OUTRO DIA ESTAVA ANDANDO A ESMO,
QUANDO DEPAREI COM UMA CENA
CHOCANTE NESSA ÉPOCA DO ANO
INVERNO...FRIO...VENTO...CHUVA...
ENCONTREI DUAS PESSOAS DEITADAS, DORMINDO
UMA NUM BANCO DE PRAÇA,
OUTRA NO CHÃO, AO RELENTO
TALVEZ SEU ESTADO SERIA DE EMBRIAGUEZ,
TALVEZ FOME,
TALVEZ SONO,
MUITOS TALVEZ PARA A MESMA CONDIÇÃO
DE HUMILHAÇÃO.
COMO CHAMAMOS ESSAS PESSOAS?
MENDIGOS?
NECESSITADOS?
MAS CONTINUEI A ANDAR,
NÃO PAREI ...
APESAR DA CENA TER ME CHOCADO,
ESTAVA PENSANDO
QUE EM ALGUMAS SITUAÇÕES SOMOS TÃO PARECIDOS,
QUANDO DESEJAMOS: AMOR,CARINHO,PAIXÃO,AMIZADE
 E NÃO SENDO CORRESPONDIDOS NOS TORNAMOS MENDIGOS,
MENDIGOS DE ALMAS!
SOMOS DIFERENTES DOS MENDIGOS DE RUA?
NOS HUMILHANDO,
PEDINDO ...
IMPLORANDO...
DESNUDANDO ....
NOSSA ALMA ...
SEM RETORNO.

                                                       MYRIAN BENATTI
Ilusão da alma
Enviado por Ilusão da alma em 10/06/2005
Código do texto: T23567
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ilusão da alma
Colorado - Paraná - Brasil, 59 anos
55 textos (6028 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 00:45)
Ilusão da alma