Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CINCO DA MADRUGADA

O dia ainda não acordou.
São cinco da madrugada,
O sol, ainda está dormindo
E a vida, bem sossegada.

O poeta já está alerta,
Vai cumprir sua missão.
Escrevendo versos novos,
Mensagens do coração.

Ouvi dizer que é bobagem,
Falar do amor e sonhar.
A vida, é uma  roda-viva
E o bom mesmo é transar...

Onde estão o romantismo,
As fantasias e as cores,
Que existiam nos encontros,
Nesses encontros de amores?

Sou amante à moda antiga,
Me esforço para não mudar.
Minha poesia, ainda existe,
Vive em mim ,neste lugar.
Jorge Gil
Enviado por Jorge Gil em 10/09/2006
Reeditado em 13/04/2007
Código do texto: T236686

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o lin para a obra total.). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jorge Gil
Goiânia - Goiás - Brasil, 79 anos
867 textos (45739 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 10:20)
Jorge Gil