Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lágrimas da vida


Acho que nunca
uma ave
foi tão amada,
cuidada
e guardada
como essa
que voa alada,

tal qual sol,
anjo de asas
coloridas,
pelo céu
deste recanto
de estrelas.

Ave rara.

Guerreira,
incansável no
cuidado
e proteção
de sua
companheira
de ninho.

Sacrificou
sua própria vida,
desejos e ânsias,
se esgueirando
nas sombras,
por entre a saudade
e a dor de ter
perdido sua vida,

ao abrir a gaiola
e dar liberdade
à companheira
dourada que
cantava feliz
três paradas
diárias.

Se percebeu
não se sabe,
mas por ela
se formaram
lagos cristalizados
de choro incontido.

Lágrimas de vida.
Maria
Enviado por Maria em 11/09/2006
Código do texto: T237405
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
4551 textos (185966 leituras)
1 e-livros (103 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:44)
Maria

Site do Escritor