Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR SEM FIM

AMOR SEM FIM


           Ao som de suave e fantástica melodia
           Multidão de ecos encantavam
           Cintilavam corações que ardiam
           Eram outros tempos, outras eras
           Estampas, fotografias de uma magia
           O ardente desejos de seres
           Que mutuamente se buscavam
           Se amavam e este amor prometia
           Ludibriar a palidez da morte
           Viajavam dali em espírito transporte
           Reviviam passado, perscrutavam futuro
           Reviam cenas de sacrifícios, oferendas
           Multidões que espectralmente se moviam
           Sem rostos, sem cores
           Recordações de uma lenda
           Crescia desejo de libertarem-se de vez
           Do espectro e do carnal, talvez
           Fundindo-se em êxtases de amor
           De tanto bem querer
           Cruzariam vales de sombras e dor
           Muitas vezes em sorrir sem rir
           Em chorar sem lágrimas verter
           Ao final de tantas transmigrações
           Suas almas deveriam se iluminar
           Ao ponto de se fundirem, então
           Atingiriam o nirvana do coração
           Onde desaparecem as ilusões
           Hoje, depois de tanto penar
           Reencontram-se seres afins
           Cumprindo promessas...
           Saindo da lenda...

          DIANA LIMA, SANTO ANDRÉ/SP
Diana Lima
Enviado por Diana Lima em 10/06/2005
Reeditado em 19/09/2008
Código do texto: T23771
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Diana Lima
Santo André - São Paulo - Brasil
152 textos (52795 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 07:51)
Diana Lima