Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lugar Vago

                      Lugar Vago








Todos os caminhos se prestam para viajar ao interior de nós
Eu viajo às escuras querendo passar incógnito
No porão sem escotilhas do encéfalo nervoso
Vou sem etiquetas na bagagem
Os parcos haveres são adereços repetitivos
Duma posse incondicional afectiva
Vou nu, vestido integralmente de mim
Que gozo me dá passar veloz sem ser notado
Enquanto ao redor rodopiam festividades e descalabros
Vou! Rotulado de lugar vago
Num navio com rodas dentadas
Substituindo as velas de um manicómio descomandado
A todo o vapor o meu “pouca-terra, pouca-terra,           sempre pouca”
É um colossal buraco escancarado
Nada me agrada mais do que ser desconsiderado
De cabeça às avessas
O meu planeta gira ao contrário.




Moisés Salgado

alestedoparaiso
Enviado por alestedoparaiso em 13/09/2006
Código do texto: T239360

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
alestedoparaiso
Portugal
209 textos (4174 leituras)
38 áudios (1068 audições)
2 e-livros (28 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 06:33)
alestedoparaiso